SARAVÁ OGUM !

No dia 23 de Abril comemora-se o dia de São Jorge que por sincretismo com a religião católica, é também dia de comemoração do orixá Ogum! No Sábado dia 24, dia de Gira no nosso Terreiro, damos corpo ao amor, respeito e carinho que temos para com este Orixá! Ogum é força, movimento, caminho, impulso e lei! Ele é o executor da Lei Maior.  Ogum é entre os Orixás, aquele que mais se faz sentir no plano material da existência e Ogum rege o progresso, a descoberta, a invenção e a genialidade no ser humano. Não admira pois que suas vibrações façam ribombar nossos corações e seu ritmo marque tão absolutamente a nossa vida enquanto umbandistas. Se Ogum corresponde ao inicio, à semente lançada à terra, então a Umbanda enquanto movimento religioso em Portugal, acaba de ser lançada, já que as parcas décadas (2 ou 3 ) que leva de existência tímida neste pedaço da Europa não passam de um pestanejar de olhos na grande escala do tempo. Ao mesmo tempo que lançámos a semente, temos que correr e rapidamente embarcar na mudança que se imprime e na evolução que se sente vinda do outro lado do Atlântico, do Brasil, pátria da nossa amada Umbanda. O nosso Terreiro celebra simultaneamente 7 anos de existência nesta mesma semana! Sob a égide de Ogum nos aventurámos, Fernando e eu próprio após confirmação e incentivo espiritual junto de Entidades donas de Congá no Brasil. Sob a égide de Ogum nos mudámos para uma casa maior em 2006 e finalmente completamos 7 anos, número esse que traz até nós o simbolismo e a força do Orixá. Este terreiro é votado a Oxalá e a Iemanjá mas tem com certeza o impulso de Ogum nas suas fundações e raízes. Louvemos pois Ogum em todo o seu esplendor e retomemos forças redobradas e inspiradas para continuarmos os nossos trabalhos com amor e afinco em prol de um mundo melhor em prol do crescimento da nossa amada religião nesta pátria que tanto necessita de luz e direcção para poder rumar numa melhor direcção. convido a todos os que se dirijam ao terreiro no próximo sábado a faze-lo com amor e vontade de doar pois só assim se recebem as verdadeiras bênçãos, desarmem-se das reservas, ponham acima das vossas necessidades, o amor e a admiração a Ogum e a todo o Astral Superior, bem como aos trabalhadores espirituais que labutam incansavelmente na frente de batalha contra as trevas, sejam eles Caboclos, Crianças , Exus, Pretos-Velhos, etc. Abram os vossos corações à mudança e acertem o vosso passo com o ritmo de nossos pontos cantados, tragam o colorido das flores que compõe o nosso altar para as vossas vidas, o aroma das ervas e defumações, das palavras certeiras dos Caboclos, da inocência das Crianças e do amor dos pais velhos. Sejamos construtivos, exemplares, aplicados e amorosos e que em nossos actos possamos de facto ser altruístas. Que Ogum nos inspire, nas nossas batalhas pessoais e nos dote do discernimento e da coragem necessária para podermos construir um país e um mundo melhor , um mundo em que a luz espiritual ilumina a todos por igual! E  porque, para que tudo possamos concretizar, precisamos de fé, então  que possamos dizer como a nossa querida  Avó Cabinda tanto diz : " ... que eu perca o nome, mas que eu nunca perca a fé! ".

 

Ogum NhÊ, meu pai,

 

Francisco de Ogum

Pai Pequeno do Terreiro de Umbanda Pai Oxalá e Mãe Iemanjá

publicado por galileu às 16:30 | comentar | favorito